Philipp Daniel Hauser

Associado Sénior Internacional/América Latina

Philipp D. Hauser é responsável pelas políticas globais de energia e clima e coordena as atividades da Agora na América Latina. Neste papel, ele apoia parceiros locais no México e no Brasil para resolver desafios energéticos específicos de cada país e traz experiências alemãs e européias com a transição energética para apoiar os tomadores de decisão na América Latina.

Antes de se juntar à Agora, Philipp trabalhou na ENGIE na América Latina durante mais de 10 anos. Como Vice Presidente de Transição Energética e Mercados de Carbono, coordenou o desenvolvimento de projetos de mitigação de gases de efeito estufa, bem como discussões relacionadas à sustentabilidade e aceitação da geração de eletricidade e questões estratégicas nas áreas de política climática e transição energética.

Entre 2006 e 2008, Philipp trabalhou com a EcoSecurities e focou no desenvolvimento de projetos de mitigação de gases de efeito estufa de energia renovável, conservação florestal e usos industriais de biomassa sustentável.

Philipp é formado em Química pela Universidade Albert-Ludwigs de Freiburg e tem mestrado em Administração de Empresas e Finanças pelo Instituto Coppead da Universidade Federal do Rio de Janeiro no Brasil. É fluente em alemão, espanhol, português, francês e inglês.

#FactCheck World-First Blue Ammonia Shipment: “Blue” H2 is produced as sub product from SMR/methanol production & EOR. Apart from power generation use in Japan this seems business as usual. See: h2-view.com/story/world-fi… bloomberg.com/news/articles/…

Klimaneutraler Stahl ist nicht nur eine Schlüsselanwendung für Wasserstoff, sondern der Anker mit dem das Wasserstoffnetz der Zukunft aufgebaut werden kann. Ich freue mich auf die Diskussion mit Dr. Hans-Jörn Weddige und Ralph Dr. Kleinschmidt von thyssen…lnkd.in/dqSWFha

SPIEGEL: “Dabei brauchen wir gar keine Magie. [...] Wir müssten nur endlich CO₂ angemessen hoch besteuern, Fotovoltaik und Windenergie dramatisch ausbauen, und unser Stromnetz gleich mit. Die Lösungen liegen längst auf dem Tisch, auch für die Industrie.“ spiegel.de/wissenschaft/m…

Todo o conteúdo

Mantenha-se em contacto - subscreva a nossa Newsletter!

]>